Sem medos

Segue-nos

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Pinterest

SONHADORES PRATICANTES

Questões? Parcerias?

soloadventuresofficial@gmail.com

Sem medos

April 30, 2019

Uma das coisas mais difíceis da vida completa-se com o verbo ultrapassar. Dar aquele passo seguro em frente, ter os nossos 20 segundos de coragem, decidir e acatar com todo um novo rumo que nos enche de medo por não sabermos o que traz consigo mas que aspiramos ser o melhor. A decisão perfeita no momento exato.

 

 

 

Ultrapassar: medos, (des)amores, perdas de vidas, ciclos viciosos, rotinas sorumbáticas, trabalhos esgotantes e todos os motivos que nos impossibilitam de sermos reais connosco e deixarmo-nos ser felizes por e para nós.

 

Dizem que são precisos exactamente 20 segundos de coragem para mudar mundos. Essa suspensão de tempo que guarda um forte arcaboiço mental, um inspirar profundo e uma nova visão para os milhões de segundos que vão proceder a esses.

 

Ultrapassar é para fortes,  ou para os que pelo menos fazem o esforço de se armarem como tal. Todos os que já conjugaram este verbo ou se preparam para o fazer guardam em si uma coragem que os surpreende e desafia.

 

Todos somos aventureiros no exercício do ultrapassar.

Por vezes ultrapassamos por força das circunstâncias, das impossibilidades da vida e outras conseguimos por nós,  com a ajuda de amigos ou fontes mais externas do nosso círculo.

 

Acredito que todos nascem com a capacidade de o fazer. O caminho até descobrir o como e alcançar a meta é que é difícil, mas não o é esse ultrapassar. Só desgasta o percurso, depois disso a vida ganha outro gosto, humildade de visão e relatividade. Depois desse momento de sucesso as possibilidades são infinitas porque aprendemos a não cair no erro de depositar tudo numa só gaveta da vida. Aprendemos a viver com outras ferramentas, muitas vezes sem conseguirmos esquecer.

 

Ultrapassem e vão sem medos. Eu tento, e a vida pode ser tão melhor quando aprendemos a existir sem pressões,  mesmo que as nossas. Tudo a seu tempo.

 

 

Boas aventuras,

 

 

 

 

 

Please reload

Artigos Relacionados

Please reload

Artigos Recentes

Mami Pereira, entre muitas coisas arquelojista e uma mulherzinha d(O) Caraças

Partilhar inspiração vale a pena?

Não é isto que quero para a minha vida

1/1
Please reload