Joana Firmino Ribeiro

Critica de Literatura

Nascida lisboeta de bairro, criada junto à imponência do Palácio Nacional de Mafra e de coração entregue às cores da Beira Baixa e do Ribatejo, onde moram os seus avós, a Joana começou a escrever e a contar histórias na altura em que o ser humano mais precisa de ser ouvido, a adolescência. Foi uma descoberta tardia, ao contrário do marketing, área em que começou a trabalhar ainda durante a licenciatura e por onde vai continuando a pôr a sua criatividade em prática.

Esta miúda com quase 30 anos passa os seus dias a pensar nas próximas aventuras da Alice e da Glória, personagens que criou para dar a conhecer ao mundo a sua escrita e que a levaram a publicar um conto. Como a vontade de fazer mais e melhor é gigante, decidiu juntar-se à Gap Year Portugal, onde é voluntária e ajuda jovens a verem o mundo com outros olhos.