top of page

Alimenta o hábito da proatividade

Queremos ser felizes e viver a nossa vida ao máximo. Para isso, é fundamental realizar um excelente trabalho interno.


Isto é, delinearmos os nossos objetivos e sonhos. Perceber o que temos de fazer para os alcançar, e depois colocar tudo em prática.


Além disto, é fulcral trabalhar os nossos hábitos se queremos atingir níveis altos do nosso desempenho pessoal e profissional.


E um desses hábitos a ser aprimorado e alimentado é o hábito da proatividade.


Mas o que é a proatividade?


A proatividade é um conceito muito interessante, que começou a ter uma maior relevância algures pela década de 1930 pelo psiquiatra Victor Frankl, após pesquisar sobre o comportamento proativo. A sua iniciativa surgiu depois da sua experiência traumática nos campos de concentração nazistas, na Alemanha.


Daqui sai o desenvolvimento do principal e básico hábito de uma pessoa eficaz, em qualquer ambiente: a proatividade.


A proatividade, de uma forma muito simples, significa muito mais do que tomar a iniciativa.

A proatividade implica que nós, seres humanos, sejamos responsáveis pelas nossas vidas. O nosso comportamento e as nossas ações resultam das decisões tomadas e não das condições do meio envolvente.


Possuímos a iniciativa e a responsabilidade suficiente para realizarmos coisas.


A proatividade anda de mãos dadas com a responsabilidade, e as pessoas proativas habituam-se à responsabilidade.


Porque devemos ser proativos?


Se queremos ter sucesso na nossa vida pessoal e profissional temos de alimentar o hábito da proatividade. Torná-lo parte da nossa rotina.


Até porque, se queremos alcançar os nossos sonhos e objetivos temos de ter plena consciência que só é possível alcançá-los através do nosso trabalho e que somos, unicamente, responsáveis por isso.


Portanto, a proatividade é a qualidade mais importante se queremos atingir o sucesso, a felicidade e um estado pleno da nossa vida.



Para isso, é necessário sair da nossa zona de conforto e arriscar. E são as pessoas proativas que dão esse salto movidas pelos seus valores, minuciosamente pensados, selecionados e interiorizados.


A proatividade é importante na nossa vida, ao ser a qualidade que nos permite focar na responsabilidade pelas nossas ações.


Quanto mais proativos somos, menor é a tendência de culparmos os outros pelas coisas que nos acontecem. As pessoas proativas adotam comportamentos de antecipação e responsabilizam-se pelas suas próprias escolhas face às situações do meio ambiente.


Como posso alimentar o hábito da proatividade?


Sermos proativos significa assumir o controlo consciente da nossa vida, definir objetivos e trabalhar para os alcançar. Ao invés de reagir aos acontecimentos ou esperar pelas oportunidades, as pessoas proativas criam os seus próprios acontecimentos e as suas próprias oportunidades.


Segue uma lista de coisas que podes fazer para alimentar a proatividade:

  • Define objetivos e metas claras

Delineia todos os teus objetivos no teu telemóvel, computador ou até num caderno. Define também o que tu precisas de fazer para concretizares todos os objetivos e metas, e coloca-te em ação.

  • Otimiza o teu tempo

Bloqueia todas as distrações que possas ter. Evita ires às redes sociais e evita perder o teu tempo com coisas desnecessárias no momento de realizares determinadas tarefas. Quanto mais cedo terminares uma tarefa, mais tempo livre terás para fazeres o que quer que seja.

  • Resolve problemas ao invés de reclamar

Reclamar pode ser mais fácil. É um facto. No entanto, não é a reclamar que as coisas serão resolvidas. Ser proativo é procurar soluções para os problemas.

  • Não tenhas medo de errar

É com os erros que aprendemos. Por isso, não tenhas medo de errar. As pessoas proativas também erram, mas elas olham para os erros e logo os corrigem, aprendendo a não repeti-los no futuro.

  • Desenvolve novos conhecimentos

Para desenvolver a proatividade é importante investir em novos conhecimentos. Qualquer habilidade nova é uma ferramenta essencial, que pode ajudar na resolução de algum problema futuro. Por isso, nunca deixes de aprender.

  • Sai da zona de conforto

Sair da zona de conforto pode ser muito assustador. Mas é ao sair da zona de conforto que nos conhecemos melhor, que desenvolvemos novas habilidades e, claro, desenvolvemos a nossa proatividade.

  • Dá uma vista de olhos no livro “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes” de Stephen R. Covey e vê o que te tem a dizer.


A proatividade é ação. E lembra-te, trata-se da tua vida, e tu és unicamente responsável por ela.


Até ao próximo artigo.







Posts recentes

Ver tudo

Bình luận


bottom of page