top of page

Simpatia ou Empatia?

Antes de começares a ler, deixa-me fazer-te uma questão: consideras-te uma pessoa simpática ou empática?


Ao contrário do que muita gente pensa, simpatia e empatia não são sinónimos. São termos que, grande parte das vezes, são usados de forma errada.


Então, o que é a simpatia?


Na verdade, qualquer pessoa pode ser simpática.


Podemos definir a simpatia como um sentimento de afinidade com alguém, onde se estabelece uma relação harmoniosa com ela. Sermos simpáticos, ou melhor, sermos agradáveis e educados com alguém não implica, necessariamente, que haja empatia entre duas pessoas.


O que é a empatia, e porquê que é tão diferente da simpatia?


A empatia é a capacidade que tu tens em respeitar os sentimentos e os comportamentos do outro, colocar-te no lugar do outro ou, até mesmo, a capacidade de vivenciares, possivelmente, o que a outra pessoa sentiu, em algum momento da sua vida.


Demonstrar simpatia é fácil. Empatia, nem sempre.


Qualquer pessoa pode ser simpática, mas nem sempre empática. Em muitos dos casos, acontece que a simpatia pode esconder uma empatia (diminuta). Noutros casos, a simpatia pode ser usada para agradar ou encorajar sentimentos positivos em relação a nós, para obter aprovação ou valorização narcisista.


Por sua vez, a empatia implica uma bondade e genuinidade, que devemos procurar sempre manter. Ser uma pessoa empática requer aceitação e respeito pelo próximo, sem qualquer tipo de julgamento ou preconceito.


É importante termos em mente que a empatia tem um papel essencial na vida de todos os seres humanos. O sentimento de empatia encaminha-nos para um crescimento e desenvolvimento pessoal saudável.


Preferes uma relação saudável baseada na empatia ou na simpatia?


Sermos empáticos é uma necessidade e uma forma de sobrevivermos, nesta sociedade cada vez mais afastada dos seus valores.


Relações empáticas são relações autênticas, verdadeiras, saudáveis e duradouras.

Brené Brown, uma pesquisadora, palestrante e escritora, diz-nos que sermos empáticos é também sobre sermos vulneráveis. Além disso, diz-nos que a empatia está assente em quatro qualidades:

  • Capacidade de assumir a perspetiva da outra pessoa;

  • Distanciarmo-nos do julgamento;

  • Reconhecermos a emoção nos outros;

  • Comunicação das emoções.

Empatia é conexão.

Simpatia é desconexão.


Existe um vídeo, explicado por Brené Brown, sobre o poder da empatia. Podes vê-lo aqui.


E agora? Depois de toda a leitura, consideras-te uma pessoa simpática ou empática?




Faz download gratuito aqui do ebook:


Posts recentes

Ver tudo
bottom of page